Inovação constante está entre as prioridades da The Coca-Cola Company. E, de olho nesse futuro, foi inaugurado, em setembro de 2016, um novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) na Cidade do México. Nas modernas instalações, são desenvolvidas inovações em ingredientes, bebidas, adoçantes, embalagens sustentáveis e tecnologias de refrigeração ecologicamente corretas para além da América Latina. Cerca de 100 associados vindos de várias partes do mundo trabalham nos laboratórios. 

“Nesse centro, trabalharemos para levar novos produtos e fórmulas que respondam às mudanças de necessidades dos consumidores mexicanos e de toda a América Latina — incluindo opções com baixa ou nenhuma caloria — por meio de reformulações e inovações no portfólio”, afirmou James Quincey, presidente e CEO da The Coca-Cola Company, em setembro, durante a cerimônia de inauguração do centro. “O investimento que estamos fazendo nessas novas instalações vai melhorar nossa infraestrutura de produção, a rede de distribuição e a inovação de embalagens, e expandir nosso portfólio”, acrescentou Quincey.

O Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Cidade do México é uma das seis unidades de P&D da The Coca-Cola Company no mundo, cada uma delas com sua própria área de atuação. Por exemplo, em Apopka, na Flórida, o centro foca em inovação e pesquisa de sucos, enquanto as instalações em Xangai, na China, se dedicam aos chás e a bebidas com leite. 

Do México para o mundo

Quincey enfatizou tanto a importância do México para os negócios globais da empresa quanto a contribuição do Sistema Coca-Cola para a economia, as comunidades e o meio ambiente do país. A Coca-Cola mexicana é um dos maiores empregadores do país, que responde por aproximadamente 12% do volume de vendas global da companhia, e tem um histórico comprovado de exportar inovações para outros mercados no mundo.