“Se a gente não se organizar para melhorar a vida de todo mundo, a nossa vida é que vai ficar pior”. Com essa mensagem de colaboração e pensamento no próximo, Luciano Huck encerrou um bate-papo com colaboradores da Coca-Cola Brasil no Prédio da Praia de Botafogo, no Rio de Janeiro, na manhã desta quarta-feira (24). O apresentador, que participou do Papo Aberto, evento de Comunicação Interna da Companhia, veio ao Rio falar sobre Gratidão, mote da campanha de Natal da Coca-Cola.

Recebido por Florian Haensch, diretor de Marketing da Coca-Cola Trademark, e por uma plateia de cerca de 150 colaboradores, Huck agradeceu por estar vivo, lembrando do acidente de avião que sofreu com a família este ano. “Vim pensando sobre o que poderia agradecer e pensei nisso. Nasci de novo no dia 24 de maio, sou um sobrevivente e este fato desencadeou uma série de reflexões em mim. Primeiro, vale dizer, se você tem uma agenda cheia para a semana que vem, não quer dizer que você não possa morrer hoje. Segundo, vejo sempre o copo meio cheio, e não meio vazio, não penso em morte”, contou.

Luciano Huck tira selfie com colaboradores da Coca-Cola Brasil

Luciano Huck tira selfie com colaboradores da Coca-Cola Brasil

Hudson Pontes

Pouso forçado em Mato Grosso do Sul

Fato é que o pouso forçado ao lado da mulher, Angélica, dos três filhos e de duas babás, em Mato Grosso do Sul, fez Huck repensar seu papel no mundo. “Dizem sobre a vida que temos que pensar nas coisas que a gente leva e no que a gente vai deixar. O que eu estava deixando? Esta é a reflexão que proponho que todos façam neste Natal e sobre Gratidão. Nos aprofundarmos no que estamos deixando para trás, em qual é o nosso legado, não só para as pessoas próximas, mas para quem nem conhecemos”, disse, inspirando os presentes. O apresentador aconselhou que aproveitem a “desculpa” do Natal para restabelecer relações que estão estremecidas: “O seu legado pode ser na sua casa”.

Luciano Huck também veio gravar um vídeo apresentando a Máquina da Gratidão e um spot convidando o público para ver as Caravanas da Coca-Cola que visitarão 193 cidades com o Papai Noel. A Máquina da Gratidão de Coca-Cola terá algumas unidades pelo Brasil. Nelas, o consumidor poderá comprar uma Coca-Cola para presentear alguém e gravar um vídeo de agradecimento, cujo link será enviado por e-mail para o presenteado, com voucher para obter uma garrafa de alumínio da edição de Natal. Com dizeres “Obrigado, amigo” e “Obrigado, amor”, entre outras, serão usadas para transformar uma Coca-Cola em um gesto de gratidão.