Sabores de grande sucesso no portfólio global, a Coca-Cola Vanilla (sabor baunilha) e Coca-Cola Cherry (sabor cereja) começam a ser distribuídas esta semana no Brasil, com exceção da região Norte. Em edição limitada, as latas sleek de 310 ml poderão ser encontradas na versão regular  com o valor sugerido entre R$ 3,99 e R$ 4,85.

Para Javier Rodriguez, vice-presidente de Marketing da Coca-Cola Brasil, é fundamental que a empresa continue investindo em inovação – seja em produtos, tipos e tamanhos de embalagens – para se manter relevante em cada momento de consumo.

“Os consumidores estão sempre em busca de novidades e produtos que promovam diferenciação. Por isso trouxemos para o Brasil dois sabores diferentes da tradicional Coca-Cola”, explica.

Outros lançamentos de sabores sazonais e novas embalagens estão previstos ainda para este ano, como parte da estratégia da companhia de ampliar o portfólio e oferecer mais opções aos consumidores.

Sobre a Coca-Cola Brasil

O Sistema Coca-Cola Brasil é o maior produtor de bebidas não alcoólicas do país e atua em cinco segmentos – águas, chás, refrigerantes, néctares e bebidas esportivas – com uma linha de mais de 125 produtos, entre sabores regulares e versões de baixa caloria. Composto por 10 grupos parceiros de fabricantes, o Sistema emprega diretamente 69 mil funcionários, gerando cerca de 600 mil empregos indiretos. Em 2015, o total investido na operação no Brasil foi de R$ 2,7 bilhões, reforçando a continuidade do compromisso da Coca-Cola Brasil com o país: entre 2012 e 2016, terão sido investidos R$ 14,1 bilhões, valor 50% superior ao dos cinco anos anteriores. O Sistema Coca-Cola Brasil está empenhado em incentivar iniciativas que melhorem o desenvolvimento econômico e social das comunidades em que opera. Para isso, conta com uma plataforma de valor compartilhado, o Coletivo Coca-Cola, que já impactou a vida de mais de 100 mil pessoas por meio de toda a cadeia de valor da empresa.