Nos meses que antecederam a primeira participação da Islândia em uma Copa do Mundo da FIFA™, Hannes Thór Halldórsson dividiu seu tempo em campo com sua atuação atrás de uma câmera. Agora, o goleiro da menor nação (de pouco mais de 330 mil habitantes) classificada para a Copa do Mundo da FIFA 2018™ também pode dizer que dirigiu um comercial para uma das maiores marcas do mundo.

O veterano Halldórsson, de 34 anos, que só joga profissionalmente desde 2014, há anos corre atrás de suas duas paixões: futebol e cinema.

“Assim que nos classificamos, enviei a ele uma mensagem dizendo: ‘Este é o nosso momento… Vamos fazer algo grande’”, conta Snorri Baron, amigo íntimo de Halldórsson e diretor da agência de publicidade Maurar, que atende a Coca-Cola na Islândia. A Coca-Cola é patrocinadora do futebol islandês há mais de 30 anos.

Halldórsson e a equipe da Maurar trocaram ideias e anotações em um roteiro por meses, e chegaram a um conceito central. “Queríamos capturar [no vídeo] o fato de que toda a nação está indo, junta, para a Copa do Mundo da FIFA™”, diz Halldórsson. “Não são apenas 11 jogadores em campo”.

O goleiro islandês Hannes Thór Halldórsson
O goleiro islandês Hannes Thór Halldórsson no set do comercial da Coca-Cola dirigido por ele

A equipe filmou as cenas do anúncio em várias locações, no início de 2018, dando um jeito de adaptar o cronograma das filmagens para abrigar os horários de treino e viagens de Halldórsson com a seleção de futebol. O goleiro e cineasta convocou vários amigos talentosos, tanto do mundo do cinema quanto do futebol, para contribuírem atrás e na frente da câmera.

O resultado final é um comercial épico intitulado “Saman” (“juntos”, em islandês), que traz um mosaico de cenas que apresentam um recorte transversal da cultura e de diversos cenários do país, com participações de islandeses “da vida real” – de pescadores e levantadores de pesos a padeiros e soldadores, além, de, claro, jogadores de futebol.

“Quando olho para trás, para os últimos meses, e penso em todo o esforço que fizemos, todas as horas gastas com os toques finais, todos que nos ajudaram, e como tudo isso está ligado também ao auge da minha carreira no futebol… Percebo que, de todos os projetos de que já participei, esse é o que está mais próximo do meu coração. É o meu projeto mais pessoal e estou muito orgulhoso do resultado”, observa Halldórsson, que conclui: “Este comercial me colocou no clima da Copa do Mundo da FIFA™. Espero que faça o mesmo para quem assiste”.

Assista ao vídeo que mostra os bastidores da criação do comercial (disponível em islandês, com legendas em inglês) para saber mais sobre como um jogador profissional de futebol consegue mesclar o campo com cinema. No player, clique em CC para exibir as legendas em inglês.